sábado, 19 de novembro de 2011

Ausênte

Ausência é a palavra chave pra tudo isso.
Não tenho escrito nada, não tenho sentido prazer em fazê-lo.
Uma vez eu disse que minha mente, vez ou outra, reclamava da falta de acontecimentos bons, algo que significasse dizer que estava valendo a pena estar vivo e continuar assim. Mas também disse que quando eu realmente me sentia assim, me faltava o ânimo pra escrever, por estar atarefado demais, pelo fato de que todos esses acontecimentos, quando acontecem, vem de uma vez só e não me dão nem tempo de digerí-los.
Aí, acontece isso.
Meu blog fica sem textos, meu diário idem e minha frustração toma conta, porque adoro sentir que estou produzindo muitos textos, apenas por produzir... gosto dessa sensação.

Me sinto útil.
Enviar para o Twitter

0 comentários:

Você é o visitante n°

Copia e cola no teu site ou blog...

Parceiros?