quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

eu queria, você já tem.

eu não quero mais lembrar do seu rosto, sua voz, seu sorriso e do meu amor que também é seu.
ficou claro agora? se dependesse da minha boa vontade, o nosso ponto final já teria sido dado antes mesmo de você abrir a sua boca e me jogar na cara como devo,ou não, agir. faça tudo, mas não tente me dizer como as coisas são. eu odeio ser guiado pelos outros, odeio ser modelado como um boneco de cera, entregue as mãos do manipulador. odeio ser tudo que se refira a submissão, no entanto, não consigo resistir a você.
talvez você ache que eu venho alimentando tudo isso por capricho, apenas.
acha não, tem certeza. eu também tenho as minhas.
eu tenho certeza que você tem certeza que já me decifrou. engano seu, baby.
mais do que isso, eu tenho certeza que as suas certezas não passam de dúvidas.

é, você disse: " você quer tudo pra você, minha vida pra você, meu tempo todo pra você"

melhor ainda, a única certeza que eu tenho é de que meus pensamentos estão priorizando tudo que envolve você. eu quero tudo pra mim? talvez eu esteja falhando quando se trata de obter alguns dos meus desejos, porque parece que tudo é seu. eu disse: 
eu não quero mais lembrar do seu rosto, sua voz, seu sorriso e do meu amor que também é seu.
tá vendo? o rosto é seu, a voz é sua, o sorriso é seu, até o amor que deveria ser meu, parece que já foi registrado e assinado em cartório em seu nome.

se você dissesse: "já que eu tenho tudo, o que você quer de mim?"
eu responderia: "o seu coração"
Enviar para o Twitter

0 comentários:

Você é o visitante n°

Copia e cola no teu site ou blog...

Parceiros?