quarta-feira, 2 de abril de 2014

meu amor as palavras...

Eu sinto e escrevo. Nem sei porque as deixei de lado por tanto tempo, pois sempre foram minhas companhias. Meu amores verdadeiros. Aquelas que sempre falaram por mim. Que no mais profundo do meu ser habitaram e me deram vida como uma unidade só de tudo que sou. As palavras... venham a mim, com todo o seu amor, e me guiem pelos caminhos a serem tecidos de acordo com os meus pensamentos.  Eu as amo, pois fazem parte de mim e que quando exorcisadas me tornam uma pessoa melhor, completa. Fim.
Enviar para o Twitter

0 comentários:

Você é o visitante n°

Copia e cola no teu site ou blog...

Parceiros?