sábado, 19 de março de 2011

Dependente de internet

Ontem a professora de introdução a ciência da computação começou a dizer que a internet era uma arma poderosa, viciante e que deveríamos tomar cuidado com o seu uso. Cê jura? Conta outra, né?
O pior disso tudo, foi que me apontaram como um dependente de internet. Meio dependente químico e tal, desses que precisam tomar sua dose diária pra saciar o vício. Admito. Todo dia quando acordo, tomo logo minha dose diária de internet, só assim posso fazer as outras coisas com mais disposição.

Fazer o que? Tem gente que depende de cafeína, maconha, crack... Eu preciso de internet, leitura e música.
Pelo menos não to fazendo mal a ninguém. Quem sabe, um bem aos meus poucos neurônios!
Enviar para o Twitter

0 comentários:

Você é o visitante n°

Copia e cola no teu site ou blog...

Parceiros?