sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Indivídua XX




            Essa história é um segredo, TOTAMENTE VERDADEIRA, NÃO AUMENTEI NADA e ninguém pode saber quem é a individua de quem estou falando. Por isso a personagem a quem vou me referir será tratada por um apelido sigiloso.






           Eu pensei muito sobre o que eu escreveria nesse blog, mas não cheguei a nenhuma conclusão então só me veio a idéia de contar situações que me rodeiam, como por exemplo a história da individua XX... Essa realmente honra a quantidade de hormônios que passa pelo seu caliente sangue...
           A individua XX era uma moça jovem, por volta do 40, essa “inocente moça” tinha debaixo das pernas um fogo que derretia todas as calcinhas e absorventes que ela usava. Desculpem, mas aqui eu posso usar e abusar de um termo que antes nunca havia usado, a incrível e libertadora – LICENÇA POETICA.
             Quando ouvi falar dessa moça intitulada de XX, me disseram que ela era uma das vitimas do mal d século, a chamada DEPRESSÃO... Vivia sem rumo, da cidade, pra roça com seus conflitos pessoais... Essa moça vivia aos prantos, confidenciando suas tristezas a alguém muito próximo a mim... RS Ela dizia não saber a verdadeira razão da existência, porque existia vida, porque viver, até que um dia arranjou um namorado que, creio eu, ensinou o verdadeiro sentido de viver! Pois ela passou então a confidenciar coisas lindas e reflexivas do tipo: A vida é bela, eu amo viver... Só que por fatalidade do destino, três dias após o inicio do namoro, o cara terminou tudo e incrivelmente os problemas voltaram, começou a se encher de anti-depressivos e lamentar sobre tudo.
           Logo depois ela arranjou outro namorado, os problemas então haviam acabado, mudou todo o visual, cortou o cabelo, renovou o guarda-roupa e passou a exibir um sorriso de ponta a ponta como o curinga, o palhaço. Infelizmente o mesmo aconteceu novamente, com 3 dias ela teve seu relacionamento fatalmente rompido e então tudo voltou a ser feio, triste, sem cor... e assim será até ela não conseguir alguém que a faça feliz pro resto da vida...






PS. Essa historia não tem fim, porque foi nisso que ela acabou... mas daqui a duas semanas eu vou ficar sabendo mais coisas sobra a individua XX e conto a segunda parte dessa “LAMENTÁVEL” historia... rs







Enviar para o Twitter

0 comentários:

Você é o visitante n°

Copia e cola no teu site ou blog...

Parceiros?